Emenda de R$ 400 mil garante Centro para Castração Animal

Emenda de R$ 400 mil garante Centro para Castração Animal ASCOM Câmara Municipal

Depois de sucessivas promessas, a construção do Centro Cirúrgico de Castração Animal está prestes a se tornar realidade, visando barrar o aumento da superpopulação animal em Montes Claros. O vereador Sóter Magno, do PP, anunciou na reunião ordinária da Câmara Municipal dessa terça-feira, que destinará sua emenda impositiva ao orçamento do Município para 2018, de R$ 400 mil para viabilizar o projeto, que conta ainda com o apoio do vereador Cláudio Prates, do PTB, presidente do Legislativo, que também lhe reservou parte de sua emenda.

Sóter está otimista quanto à realização deste projeto que por vários mandatos havia sido aprovado e engavetado. Desta vez, acredita que sairá do papel, mas depende da aprovação do prefeito Humberto Souto, do PPS, para que seja viabilizado.

“O grande sonho será materializado com a construção do Centro Cirúrgico de Castração Animal. É importante destacar que a castração é a melhor solução para o controle populacional de cães e gatos. Uma cadela com idade de 10 anos é responsável por uma população de 80 mil herdeiros. Com o Centro, poderá ser realizada a castração do animal e ele não se reproduzirá”, garante.

Os vereadores Oliveira Lêga, do PPS, Valcir da Ademoc, do PTB, Maria Helena Lopes, do PPL, e Cláudio Prates, do PTB, também se manifestaram favoráveis ao projeto. O vereador Valcir da Ademoc disse que o Centro ajudará a diminuir a população canina e felina e evitar a proliferação de doenças como calazar, que tem atingido n ão só os animais, mas também os seres humanos e que podem levá-los à morte.

O vereador Oliveira Lêga lembrou que a construção do Centro é uma luta antiga e a esperança é de que nesta administração seja viabilizado este espaço para cuidar dos animais. “O Centro vai ajudar a resolver um gravíssimo problema de saúde pública. Através da castração dos animais teremos uma redução na superpopulação de animais abandonados”, afirma.

A vereadora Maria Helena comemorou a notícia da construção do Centro e ressaltou que a castração é a única forma eficaz e ao mesmo tempo humanitária, de controle populacional de animais, diminuindo o abandono. Cláudio Prates também destacou a importância da medida para a população.

Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Montes Claros